Hominis Aqua

Rabo de Peixe é uma das maiores comunidades dos Açores registando aproximadamente 9.000 residentes que na sua maioria estão ligados ao setor da pesca, o que permite afirmar que esta é a maior comunidade piscatória dos Açores. Esta vila piscatória virada a norte, para além do elevado número de residentes, caracteriza-se pelas fortes ligações que mantem com a diáspora ao nível cultural e religioso.

“Hominis Aqua”, do Latim “homens de água”, é o título do projeto, que também dá nome ao  livro de Ruben Farias, bem como ao painel de cerâmica que marca o início deste caminhada. O mar mostrou ao mundo o melhor do povo português, os descobrimentos. O mar, a água que nos rodeia a todos nós açorianos é o habitat quase natural para os nosso pescadores. Verdadeiros lobos do mar, são homens que passam a vida na água conquistando arduamente com lágrimas de sal o seu ganha pão. A água é verdadeira vida e como tal transforma-se na principal essência que compõe os nossos Homens de Água.

 

O logótipo do projeto, pretende passar a ideia de comunidade, de uma família que representa todos mas também pode representar apenas um agregado familiar (pilar da sociedade), e que está dentro de um mundo de água. Nesta comunidade de homens pescadores, o homem é o ganha pão da família. É o seu representante e como tal a referência que é feita ao homem tem o sentido de humanidade e não apenas de género. São homens de água, são uma comunidade de água, do latim “Hominis Aqua”.

OBJETIVOS

GERAIS ESTRATÉGICOS
1 – Apoiar econômica e socialmente estudantes filhos de pescadores com dificuldades e integrar jovens em risco de exclusão social. 1.1 – Atribuir bolsas de formação a estudantes filhos de pescadores de Rabo de Peixe.
1.2 – Apoiar financeiramente na alimentação de estudantes com dificuldades.
1.3 Parceria com o CNRP para integração de filhos de pescadores nos núcleos de Bodyboard, Canoagem e Natação, combatendo a exclusão social e promovendo iniciativas que visem a promoção ambiental.
2 – Fazer formação para ativos e potenciar o turismo como complemento ao rendimento dos pescadores 2.1     Ações de formação em novas tecnologias.
2.2 Desenvolvimento de projetos e parcerias com entidades ligadas ao turismo, de forma a fomentar a pesca turismo contribuindo para complementar o rendimento dos pescadores.
2.3 Desenvolver projetos de promoção do pescado açoriano, através da gastronomia, como forma de potenciar a economia local.

 Contribua adquirindo o livro “Hominis Aqua” (12 €)

(Numa Loja RIAC ou enviando um pedido de encomenda para ap.rabopeixe@gmail.com)

HOMINIS AQUA_ Capa livro

 

Contribua adquirindo uma tshirt (7 €)

(Enviando um pedido de encomenda para ap.rabopeixe@gmail.com)

Tshirts - 7 €

Tshirts – 7 €

Produtos

T'shirt - Hominis Aqua - 7€

Livro - Hominis Aqua - 12 €

[contact-form-7 404 "Not Found"]